Sanepar fará manutenção em motor da estação de captação de água em Guarapuava

Manutenção preventiva em motor de uma das bombas da estação no Rio das Pedras começa terça, dia 28

por guaranoticias

Atualizado às 08h37

A Sanepar deve fazer, nesta terça-feira (28), manutenção preventiva no motor de uma das bombas da Estação de Captação de Água em Guarapuava. O procedimento, que foi adiado por razões técnicas, será feito independentemente das condições climáticas.

 

Os serviços começam às 4h do dia 28, quando o motor de 450 CV será retirado e levado de caminhão até Ponta Grossa. Lá, uma equipe de engenheiros e técnicos fará diagnóstico de peças e componentes para, então, estimar quanto tempo levará a manutenção. “É um equipamento de grande porte e, para evitar falhas, deve passar por manutenção periódica. O trabalho é minucioso e pode levar de 24 a 60 horas para ser concluído, isso será avaliado quando o motor for desmontado. Concluído o trabalho, o motor é trazido pra Guarapuava e, então, reinstalarmos junto à bomba”, explica o gerente da Sanepar, Adão Alisson Slompo.

 

Abastecimento – A Sanepar possui três conjuntos moto-bomba em operação na captação do Rio das Pedras. O motor retirado para manutenção pertence à bomba 02 – as outras duas bombas continuarão em funcionamento. “Com a retirada de um dos três motores, calculamos que a produção de água deva reduzir em cerca de 20%. Poderemos ter faltas d’água pontuais, por períodos curtos, principalmente se o consumo aumentar”, informa o coordenador Industrial da Sanepar, Paulo Cesar Rodrigues dos Santos.

 

Por isso, é imprescindível que as pessoas colaborem e façam uso econômico da água. “Pedimos à população que, a partir de terça-feira, evitem lavar calçadas, carros, roupas pesadas – como roupa de cama, cortinas – e que todos priorizem a água tratada para higiene e alimentação. Também pedimos que as pessoas não acumulem água em baldes e bacias. Não é necessário e isso não ajuda o sistema. Se todos colaborarem fazendo uso consciente, a cidade ficará abastecida durante todo o período da manutenção”, reforça Adão. “Imprevistos podem ocorrer e não temos como prever isso. Mas, se não houver nenhum incidente, o abastecimento de água será normal.”

 

No caso de alguma intercorrência ou situação emergencial, como rompimento de rede ou queda de energia, será feito aviso à população para informar da ocorrência. Vale lembrar que, em situações emergenciais de desabastecimento, só ficarão sem água os clientes que não tiverem caixa d’água no imóvel. O Serviço de Atendimento ao Cliente Sanepar é feito pelo telefone 0800 200 0115, que funciona 24 horas por dia, gratuitamente. Ao ligar, tenha em mãos a conta de água ou o número da matrícula.

 

FOTOS

Estação de Captação de Água da Sanepar em Guarapuava, ao lado do Rio das Pedras

Conjuntos moto-bomba que operam na captação; o motor da bomba do meio é que será retirado para manutenção preventiva

Fonte: Release assessoria Comunicação Sanepar

Comentários