Paraná é o segundo estado com mais casos de queimaduras

por guaranoticias

Atualizado às 10h24

O Paraná é o estado com o segundo maior registro de internações decorrentes de queimaduras e corrosões, tendo uma média de sete atendimentos por dia. Segundo informações do Ministério da Saúde, extraídas do Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS), a cada dia sete pessoas, em média, são internadas em hospitais paranaenses por conta de queimaduras e corrosões. Entre os anos de 2015 e 2019 houve um total de 12.940 registros, sendo que apenas São Paulo, quando considerado o número absoluto de atendimentos, teve mais ocorrências desse tipo entre todas as unidades da federação, com 21.779.
A enfermeira Cynthia Veiga, que por 10 anos foi responsável pelo Centro Cirúrgico de Queimados do Hospital Evangélico do Paraná, conta que a maior parte das ocorrências no estado, algo em torno de 80%, estão relacionadas a acidentes domésticos, principalmente em cozinhas e churrasqueiras.
Além disso, é nesta época do ano, em que há maior frio que também costuma haver maior número de casos. “O melhor cuidado, o melhor tratamento, é a prevenção. O acidente é gerado pelo descuido, a banalização do que está sendo feito. Então é prestar mais atenção, não tentar fazer mais de um trabalho manual ou mexer com mais de uma máquina ao mesmo tempo, porque isso gera acidentes graves”, diz Cynthia. “No frio atendemos muito os cadeirantes. Eles não tem sensibilidade no membro, usam lençol térmico, aquecedor muito próximo do corpo, e aí fazem queimaduras profundas”, alerta.
Com relação às ocorrências mais graves, entretanto, a maioria está relacionada a acidentes de trabalho. “As pessoas não se conscientizam da importância do equipamento de proteção individual”, conclui.

 

Fonte: (Rodolfo Luis Kowalski) – Bem Paraná – acesso 22/06/2020 – https://www.bemparana.com.br/noticia/parana-e-o-segundo-estado-com-mais-casos-de-queimaduras#.XvCwoMRKi1s

Foto: Franklin de Freitas

Comentários