16º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR: Ocorrências de Quinta para Sexta-feira

por guaranoticias

Atualizado às 08h42

OCORRÊNCIA COM ENCAMINHAMENTO:

01- PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, ACESSÓRIO OU MUNIÇÃO.

No dia 27 fev. 2020 às 20h40min, na Rodovia PR 346, Distrito do Guará, a equipe ROTAM recebeu denúncia, repassada via central de operações, que em um bar, localizado no Rio Bananas, o proprietário do bar de 63 anos, possuía 3 armas de fogo em sua residência e que escondia as mesmas em um galinheiro, no interior da sua propriedade. A equipe deslocou até o local, onde foi entrado em contato com o mesmo, o qual se identificou como sendo o proprietário do bar e da residência, e ao ser questionado, afirmou possuir um revólver, e mediante sua autorização, foram realizadas buscas no interior da residência, e localizado um revólver Taurus cal.38 special, municiado com 5 munições intactas. Em continuidade, foi deslocado até uma residência anexa, e em contato com a senhora de 38 anos, questionando-a quanto a existência de armas de fogo na residência, a qual negou possuir arma de fogo no local, porém autorizou a entrada da equipe no interior da residência, sendo então localizado em um quarto, uma espingarda cal.20, sem marca aparente. Em seguida a mulher afirmou ser de propriedade do seu marido, a espingarda, afirmou que o mesmo, estaria trabalhando no distrito da Palmeirinha, não sabendo afirmar com exatidão o paradeiro do mesmo. Em seguida a mesma apresentou à equipe, 85 espoletas, utilizadas para produção de munições, 4 frascos com pólvora, 1 frasco com chumbo, 8 cartuchos intactos e 2 cartuchos deflagrados. Diante dos fatos, os envolvidos foram conduzidos até à 14ª SDP, para os procedimentos cabíveis.

02 – PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO, ACESSÓRIO OU MUNIÇÃO.

No dia 27 fev. 2020, em continuidade ao boletim anterior, a equipe ROTAM recebeu informação que uma pessoa do sexo masculino de 20 anos, possuía uma espingarda em sua residência. Deslocado até o local e entrado em contato com o mesmo, questionado quanto à arma de fogo, sendo que este veio a afirmar possuir tal arma e afirmou ter jogado a mesma no meio de uns arbustos, nos fundos da residência, quando percebeu a chegada da equipe policial. Sendo então localizado no local apontado, uma espingarda cal.36, desmuniciada, sem marca aparente. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao mesmo e este encaminhado à 14ª SDP.

03- CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL.

No dia 27 fev. 2020 às 19h20min, na Rua Marechal Floriano Peixoto, a equipe CPU, tinha informações de que a pessoa do sexo masculino de 31 anos, possuía mandado de prisão em seu desfavor, expedido pela Vara de Execuções Penais de Guarapuava, pela prática do crime de roubo. Em patrulhamento pela região central da cidade, ao passar pelo terminal da fonte, foi visualizado o indivíduo desembarcando de um ônibus. Procedida a abordagem, com ele nada de ilícito foi encontrado, porém em razão do mandado de prisão, foi dada voz de prisão ao indivíduo e conduzido até a sede do 16° BPM, para confecção da documentação pertinente e posteriormente entregue na carceragem da 14ªSDP.

OCORRÊNCIAS SEM ENCAMINHAMENTO:

01 – ROUBO.

No dia 27 fev. 2020 às 20h10min, na Rua Dr. Alfredo Stolz, Batel, relatou a solicitante de 39 anos, que indivíduos trajavam camiseta e calção, todos com o rosto coberto e em posse de um facão, adentraram a sua residência, indagando se a mesma era esposa do policial Leandro, a mesma negou tal fato. Sendo que os autores falaram que estavam no local para cobrar uma

dívida do Leandro, segundo a mesma, disseram que o policial teria matado um dos irmãos dos autores e que iriam cobrar esta dívida. Teriam ficado aproximadamente 40 minutos observando a residência e ó após este tempo adentraram. No local foi subtraído diversos pertences pessoais da vítima, sendo: Uma furadeira, marca Bosch; Um aparelho de telefone, marca Samsung; uma televisão, 42”, marca Samsung; Uma Carteira com CRLV da Motocicleta ATX-9960, Cartão Banco Santander, Havan, Marisa e Compre Mais, CNH, RG e cento e cinquenta reais em dinheiro. Realizado patrulhamento, porém sem êxito. Orientado a vítima quanto aos procedimentos cabíveis.

OCORRÊNCIAS EM OUTROS MUNICÍPIOS OU LOCALIDADES:

01 – PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO EM MANOEL RIBAS.

No dia 27 fev. 2020 às 22h00min, na Estrada Rural do Distrito de Santa Mariana, a equipe em patrulhamento, realizou a abordagem de um veículo Palio, conduzido por um indivíduo de 28 anos, que em busca pessoal nada de ilícito foi encontrado, porém em busca no interior do veículo, foi encontrado um Revólver cal.32, municiado com 6 munições marca CBC, intactas, indagada a respeito da documentação do revólver, o cidadão disse não ter registro da arma tão pouco porte. Diante do fato foi dada voz de prisão e informado de seus direitos, sendo conduzindo o autor, juntamente com o revólver, para delegacia de Polícia Civil de Manoel Ribas.

02 – PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO EM PINHÃO.

No dia 28 fev. 2020 às 01h47min, na Rua Francisco Delle, Centro, a equipe atendendo a solicitação de um jovem de 20 anos, relatou que uma pessoa de blusa vermelha e barba mal feita, se aproximou do local onde estava sentado, juntamente com um grupo de amigos em um banco que fica em frente a um Supermercado, quando o indivíduo apontou uma arma de fogo, vindo a efetuar um disparo na direção dos jovens, neste momento, todos se esconderam e pediram ajuda. Em seguida um senhor que estava em um Bar, recolheu os jovens para dentro do estabelecimento, para garantir a integridade dos mesmos. Relata o senhor de 49 anos, que ouviu dois barulhos altos, em seguida um som que se assemelha a um disparo de arma de fogo, momento que saiu para fora e recolheu os jovens. Posteriormente verificaram que o vidro traseiro do veículo VW/ Voyage de propriedade do dono do bar, o vidro lateral esquerdo traseiro do veículo Toyota, de propriedade do referido senhor, estava quebrado. Relata o jovem, que viu a pessoa que efetuou o disparo jogar pedras nos veículos já identificados. A equipe realizou logo em seguida buscas e visualizou uma pessoa de blusa vermelha, que ao perceber a aproximação da viatura policial, arremessou para dentro do pátio da casa, localizada na Rua 19 de Novembro, um objeto. Realizada a abordagem e encontrada na cintura do abordado um estoque de barra de ferro e uma faca, e em seguida foi realizada buscas no pátio da referida casa, sendo encontrado uma garrucha de fabricação artesanal. Identificado o indivíduo de 30 anos de idade, o qual na hora da abordagem não acatou aos comandos da equipe policial, sendo necessário o uso de forma para contê-lo e realizar a prisão. Na cede do 4º Pel. Pinhão a pessoa o indivíduo batia com a cabeça nas paredes, jogava seu corpo contra os bancos e ameaçava as vítimas e policiais, dizendo “que hoje está preso, mas, quando sair vão ver”. O indivíduo apresentava sinais físicos de influência de drogas e durante todo o procedimento policial gritava, falava sozinho e ameaçava as vítimas. Realizada a Prisão do autor e encaminhado para Delegacia de Pinhão, para os procedimentos policias cabíveis.

 

 

16ºBPM

Comentários