16º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR : Ocorrência de Quinta para Sexta-feira

por guaranoticias

Atualizado às 08h34

OCORRÊNCIA COM ENCAMINHAMENTO:

 

01- DESCUMPRIMENTO DE MEDIDA PROTETIVA.

No dia  12 mar. 2020 às 11h10min, na  Rua dos Engenheiros, Morro Alto, uma senhora de 64 anos,  procurou a secretaria de políticas públicas para mulheres e informou que seu amásio de 59 anos, estaria em sua residência, descumprindo a medida protetiva, que a mesma tem contra ele. Sendo assim, foi deslocado até a residência da vítima e dada voz de prisão ao cidadão e encaminhado até a 14ª SDP, para as que fossem tomadas as medidas cabíveis ao fato.

 

02 – CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL.

No dia  12 mar. 20., às 13h50min. Na Av: Manoel Ribas, Centro, a equipe deslocou até o Fórum da Comarca de Guarapuava, por solicitação da vara de execuções penais, para dar cumprimento ao mandado de prisão expedido em desfavor de um indivíduo de 21 anos de idade, o qual foi conduzido até a 14ªSDP, para que fossem adotados os procedimentos cabiveis.

 

OCORRÊNCIAS SEM ENCAMINHAMENTO:

 

01 – ROUBO.

No dia 12 de mar 2020, às 21h10min, uma equipe da Rádio Patrulha, deslocou até a Rua Capitão Rocha, Vila Carli para atender uma ocorrência de Roubo, onde foi levado o veículo da vítima um Honda Fit de placas EUI- 6266. A equipe policial  foi até Rua das Laranjeiras onde a vítima de 46 anos, estava com seus três filhos, e relatou que levou os filhos até uma academia, quando foram abordados por dois indivíduos que lhe deram voz de Roubo apontando uma arma de fogo, e dizendo que entrassem no veículo, posteriormente abandonaram a família no trevo do Bairro São José, onde andaram até a Rua das Laranjeiras e acionaram a equipe. Relatou ainda que o indivíduo autor, foi dirigindo o veículo estava vestido com calça jeans e chapéu e outro de moletom e calça. Diante dos fatos foram orientados dos procedimentos.

 

OCORRÊNCIAS EM OUTROS MUNICÍPIOS OU LOCALIDADES:

 

01 – DISPARO DE ARMA DE FOGO EM BOA VENTURA DE SÃO ROQUE.

No dia 12 de março de 2020, ás 22h25min, a equipe policial estava em patrulhamento pela Avenida Dalzotto, quando foi abordada por um indivíduo de 19 anos, o qual relatou que estava na residência de uma amiga na Rua José Mathias Gomes, ouvindo música quando um vizinho, efetuou um disparo de arma de fogo por cima do muro vindo a acertar a adolescente de 17 anos, a qual já havia sido encaminhada até o posto de saúde municipal para atendimento médico. Ante aos fatos relatados foi deslocado até o endereço indicado pelo solicitante como sendo a residência do autor, de onde havia ocorrido o disparo, e dada voz de abordagem Policial ao senhor de 55 anos, o qual confessou ter sido o autor do disparo, e que o motivo foi por ter pedido para que diminuíssem o volume do som na residência, sendo que passou a ser xingado pelas pessoas que ali estavam. O autor dos fatos apresentou a arma utilizada, sendo um revólver marca Taurus cal.38, com capacidade para seis disparos, o qual estava municiado com cinco munições intactas. Foi apresentado pelo senhor o registro da arma com data de validade em 12 de novembro de 2029. Sendo então dada voz de prisão ao autor e apreendida a arma, encaminhando-os para a 45ª DRP em Pitanga para os procedimentos cabíveis. Foi deslocado até o posto de saúde, e a técnica de enfermagem informou que o projétil atingiu de raspão acima do seio direito e transfixou o braço direito da vitima próximo ao ombro, que após receber os primeiros atendimentos na unidade de saúde municipal a vitima foi encaminhada até o Hospital São Vicente na cidade de Pitanga, sendo a ocorrência acompanhada pela representante do Conselho Tutelar.

 

02 – POSSE IRREGULAR DE ARMA DE FOGO, ACESSÓRIO OU MUNIÇÃO – USO PERMITIDO/ PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO/ CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL EM PINHÃO.

No dia 12 de mar. 20, às 15h00min, a equipe Policial, deslocou a fim de averiguar denúncias de mandados de prisão e armas de fogo, a equipe realizou operação do tipo arrastão nas localidades de Santa Maria, Faxinal do Céu, Ribeiros, Rocio, Taquaras, Lajeado Feio, Pocinhos, Água branca e Vale do Rio do Areia. Sendo que durante as abordagens, na localidade do Lajeado Feio. A equipe foi informada onde residia uma pessoa do sexo masculino, o qual em consulta via sistema operacional, possuiria um mandado de prisão em aberto pelo art. 121 do C.P. (homicídio), com validade até 20/04/2023.Deslocado até o local e localizado o indivíduo, e dado fiel cumprimento ao mandado de prisão e informado seus direitos. Diante da denúncia que o indivíduo e seus familiares possuíam armas de fogo, e teriam realizado ameaças em datas anteriores, foi indagado sobre tal denúncia. E este veio informar a equipe que possuía uma espingarda do tipo “puxa fieira”, em seu quarto, depois de franqueada a entrada da equipe foi localizado a arma e mais pólvora, espoleta e chumbo. O mesmo informou onde era a residência de seu irmão e de seus sobrinhos, pessoas estas que haveriam sido denunciadas em data anterior na policia civil do pinhão. Diante da informação foi deslocado até a localidade de Água branca e durante a abordagem a um bar, foi identificado um dos abordados o qual não possuía nada de ilícito no local, porém seria um dos denunciados, foi então indagado sobre a denúncia de arma de fogo e sobre seu pai, o mesmo relatou que não existiriam tais armas, porém levaria a equipe até a sua residência de seu pai. No local, nada de ilícito foi localizado na residência, porém foi constado que o mesmo possuía em seu desfavor um mandado de prisão pelo art.121 do C.P.(homicídio), com validade até 20/04/2023. Dado então o fiel cumprimento do mandado de prisão e informado seus direitos. Após isso, foi relatado sobre a denúncia em seu desfavor, o qual falou que possuiria uma espingarda cal. 24.

Durante a confecção do boletim, a equipe chegou em uma propriedade para perguntar informações do referido endereço, sendo que em uma lavanderia próximo da área desta casa, foi visualizado uma espingarda na parede. Entrado em tal residência e realizada apreensão da arma de fogo de calibre não identificado do tipo “puxa fieira”, indagado os vizinhos sobre o proprietário da casa, e informado que o mesmo se encontrava trabalhando fora, não informando maiores detalhes. Durante o momento que a equipe se encontrava em diligência pra localizar proprietário da residência, foi visualizado que correu uma pessoa em direção a uma outra propriedade que ficava mais longe do local que a equipe se encontrava. Sendo que de imediato foi tentada a abordagem desta pessoa, não obtendo êxito, porém em buscas próximo do local que esta pessoa se evadiu, foi localizado uma mochila com duas espingardas de cal. não identificados, do tipo “puxa fieira”. Em continuidade a operação arrastão, foi realizada abordagem a um bar na localidade do Rocio, sendo encontrado no bolso de um indivíduo, 02 munições de cal.22 e uma caixa de espoleta. Indagado o abordado sobre o porquê de possuir isto em seu bolso, o mesmo relatou que teria uma arma de fogo. Em continuidade as buscas, em baixo da cela de seu cavalo, foi localizado um pistolete, do tipo “puxa fieira”, de calibre não identificado, o qual se encontrava pronta para o uso. Dada voz de prisão para o indivíduo, informado seus direitos, e posteriormente foi realizado consulta de seu nome no sistema SESP/intranet, sendo então constatado um mandado de prisão em aberto, pelo art. 14 do C.P. (Porte Ilegal de arma de fogo de uso permitido), informado sobre o mandado. Encaminhadas as 06 armas apreendidas, e 03 masculinos com mandado de prisão, sendo dois deles encaminhados por posse irregular de arma de fogo, e 1 por porte ilegal de arma de fogo até a delegacia do pinhão para os procedimentos

 

 

SETOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL – ALM

Comentários